Mário Coutinho | “O Ensino Superior em Portugal”‏

By  |  0 Comments

10833805_10152598572368235_1208962570_n

Convidado do Gustavo Brás***

Muito se tem falado da reorganização do Ensino Superior em Portugal. O Senhor Secretário de Estado do Ensino Superior teceu alguns comentários, recentemente, acerca do regime de acesso actual, propondo algumas alterações.

A comunidade estudantil, e a Federação Académica de Viseu, não pode aceitar que mais uma vez sejam os Politécnicos os parentes pobres do Ensino Superior em Portugal.

Não podemos aceitar que quem queira ingressar no Ensino Superior Politécnico, que ao longo de mais de 30 anos tem cumprido a sua missão fixando população qualificada e potenciando economias locais e o acesso ao emprego, tenha como nova regra uns míseros 10 valores de média de acesso em relação à prova específica.

O Politécnico não é uma instituição de segunda escolha, é sim uma instituição de excelência que promove o ingresso de alunos, também eles, de excelência.

Os alunos devem ingressar no Ensino Superior, quer seja ele Universitário ou Politécnico, de uma forma consciente, de acordo com as suas expectativas e de acordo com os seus objectivos. Não podem, de forma alguma, ingressar no ensino superior com regras de acesso que contemplam única e exclusivamente uma média, ou um mero número.

10841662_10152598573448235_2083909449_n

Estaremos atentos aos próximos desenvolvimentos, na certeza de que o movimento estudantil não se alheara nunca dos problemas que afectam as Instituições de Ensino Superior em Portugal.

***Mário Coutinho é Presidente da Federação Académica de Viseu

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.